O que tem de bom na alergia alimentar!

Muito provavelmente seu filho terá uma vida muito mais saudável no futuro…

Isto porque a restrição alimentar não é de legumes, frutas, cereais, leguminosas, sucos, etc. São as guloseimas que precisam ser evitadas, são os produtos industrializados que podem ser prejudiciais. Tais produtos também devem ser evitados em crianças sem APLV antes dos dois anos.

O que muda na criança com APLV é o rigor com relação aos utensílios, aos contatos indiretos e aos traços de proteína.

Hoje sabemos que o metabolismo individual é determinado geneticamente, mas existem evidências que o que é oferecido para seu filho nos primeiros anos de vida pode alterar seu metabolismo para a vida inteira. Assim, o que de mais benéfico podemos fazer pelo nosso filho além do amor é uma alimentação adequada. E esta alimentação adequada não inclui alimentos industrializados ou guloseimas nos primeiros dois anos de vida principalmente.

Não seria de se surpreender se no futuro surgirem estudos mostrando menor incidência de AVC, infartos, pressão alta, diabetes, entre outros nas crianças que tiveram APLV e que foram “forçados” a ter uma alimentação correta.

É dar valor a pequenas conquistas, mas se tem uma coisa que a alergia traz de mais precioso é ensinar a quem convive com ela, que é preciso viver um dia de cada vez, com muita persistência e paciência, é perceber que as vitórias são diárias e que além da cura tão desejada, é possível dar as crianças com APLV qualidade de vida, afinal a vida é muito mais que comer“, Fernanda Yud.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *